Copa América 2019: Superstição de Campeão

O Brasil que recebeu a Copa das Confederações em 2013, a Copa do Mundo em 2014 e Olimpíadas e Paraolimpíadas no ano passado, receberá em 2019 a Copa América de Futebol. Essa será a quinta vez que o nosso país sediará a competição, lembrando que, em todas as oportunidades, nossa seleção saiu como campeã, sendo duas finais contra o Uruguai e duas contra o Paraguai (A segunda com direito a um 7 x 0 histórico).

A competição contará com 16 participantes sendo 6 convidados, 10 deles serão oficiais da Conmebol (Brasil, Argentina, Uruguai, Paraguai, Chile, Peru, Bolívia, Colômbia, Equador, Venezuela) e os convidados ainda não foram definidos, provavelmente, seleções da Concacaf, que já participam da Copa América, estarão presentes, além de uma das novas propostas que é convidar países latinos da Europa, como França, Espanha, Itália e Portugal. O resto deve ser completado com países Asiáticos.

O Brasil é o terceiro maior vencedor da competição com oito títulos, ficando atrás apenas dos nossos rivais Argentina (14) e Uruguai (15). Esse é o único torneio em que nossos rivais levam vantagem sobre a gente, e em 2019, não seria nada legal perder em casa para algum deles, mas se depender da superstição do brasileiro, a taça já é nossa, até porque, nunca perdemos em casa, ou melhor, sempre fomos campeões quando jogamos aqui. De certo, veremos um espetáculo, se tudo der certo em 2018, nossa seleção chega como campeã do Mundo e com muita moral em dia, e quem sabe até lá, o Sampaoli ou qualquer outro, dê um jeito em nosso principal rival para a vitória ficar mais gostosa.

Último título do Brasil no torneio (2007).

Há quem goste e também quem não goste desse tipo de formato trazendo convidados para um torneio que seria pra ser exclusivo nosso, aí vai da opinião de cada um.

Catimba, cera e provocações não faltarão, cabe a torcida brasileira fazer um espetáculo e atordoar nossos adversários para que se percam em campo e saibam onde estão pisando e quem estão enfrentando, ninguém tem cinco estrelas no peito atoa, e não será títulos a mais de Copa América que diminuirão nossa Seleção, até porque é melhor se preocupar, pois o Brasil quando menos esperar já estará na cola desses hermanos.

Confira o elenco brasileiro no título da Copa América de 2007 (O último):
Goleiros: Hélton (Porto), Doni (Roma) e Dida (Milan)
Laterais: Maicon (Internazionale), Gilberto Melo (Hertha Berlim), Daniel Alves (Sevilla) e Kléber Corrêa (Santos)
Zagueiros: Alex Costa (PSV), Juan Silveira (Leverkusen), Naldo (Werder Bremen) e Alex Silva (São Paulo)
Meio Campo (Geral): Mineiro (Hertha Berlim), Elano (Shakhtar), Diego (Werder Bremen), Josué (São Paulo), Fernando (Bordeaux), Júlio Baptista (Real Madrid) e Ânderson (Porto)
Atacantes: Vágner Love (CSKA), Robinho (Real Madrid), Afonso Alves (Heerenveen) e Fred (Lyon)

Daniel Dutra
Siga-o

Daniel Dutra

Carioca, apaixonado pelo Brasil, mas que não esconde seu encanto pelo futebol internacional. Foi jogando bola que me apaixonei pelo futebol, e vendo o Milan jogar que comecei a acompanhar. Espero um dia poder ser Jornalista.
Daniel Dutra
Siga-o

Últimos posts por Daniel Dutra (exibir todos)