#AnálisedoReforço: Leo Valencia, grande chapéu do Fogão

Leonardo Valencia na final da Copa Internacional da China. (Photo by Lintao Zhang/Getty Images)

Após uma grande novela com vários capítulos, o Botafogo finalmente confirmou o chapéu dado em seu rival amigo Vasco da Gama, o clube de General Severiano acertou oficialmente a contratação do Chileno Leonardo Valencia por 3 anos. O jogador chega ao glorioso visando a Copa do Mundo do ano que vem, onde já está praticamente garantido na Seleção Chilena. Leo chega ao clube após jogar a Copa das Confederações na Rússia e ficar sem contrato com o Palestino, seu ex-clube.

Quem é Leo Valencia?

Leonardo Valencia é um baixinho rápido e habilidoso que atua pelas pontas ou pelo meio, já chegou a jogar de volante, função que se precisar, também pode exercer, mas dificilmente o Botafogo precisará fazer isso. O atleta tem 26 anos e vive um grande momento, figurinha certa na Seleção do Chile, busca jogar a próxima Copa do Mundo, no Botafogo, chega pra ganhar seu espaço de titular.

Função de Valencia no Botafogo:

No Botafogo, Valencia chega para suprir a ausência de Montillo, que se aposentou recentemente, poderíamos até citar Camilo, porém o mesmo já conheceu o banco de reservas após João Paulo e Matheus Fernandes tomarem conta do meio de campo alvinegro.

Como já dito, o jogador atua pelos lados ou pelo meio, e no Botafogo, a princípio chega para jogar nas pontas, fazendo suas características jogadas mais ofensivas.

Como Volante: Na seleção, o jogador atuou algumas vezes como volante, pois além de ser ofensivo, ele costuma roubar muitas bolas, algo que pode ajudar muito a equipe carioca que joga em um esquema onde a marcação começa pelo centroavante e é fatal na falha dos adversários. Na última temporada da Liga Clausura, o jogador contabilizou 47 desarmes, algo que de fato ajudará o Botafogo até nos contra-ataques.

Como Ponta: Sua habilidade e velocidade tornam o jogador uma arma muito forte, ainda mais por ser baixinho, o que dificulta ainda mais a vida do marcador ao tentar desarmar Leo em um drible.

Como Meia: O jogador tem uma ótima finalização, ótimos passes e boa proteção de bola, por mais que seja baixo e leve, Leo é bem forte e aguenta bem marcações firmes.

No geral: Sua finalização não tem limites, chuta de qualquer distância inclusive em cobranças de falta, onde costuma marcar belos gols, o passe é firme, e sua habilidade misturada com a velocidade e força, torna-o um atleta chato de marcar, aquele que cansa o marcador já nó primeiro tempo.

Segundo comentaristas Chilenos, Leo Valencia gosta de ser importante, um protagonista, algo que se acostumou durante a carreira e principalmente nas últimas temporadas pelo Palestino, pois quando foi jogar na Universidad de Chile não era um, foi bem, mas não se destacou. Além disso, disseram ter uma personalidade forte, onde em alguns momentos acabou sendo polêmico, mas nada demais.

Valencia no treino do Chile. Foto: LaTercera

LEONARDO VALENCIA NO CLAUSURA 2016/2017

13 jogos – 1170 minutos em campo – 2 gols – 6 assistências – 51 finalizações certas – 47 desarmes

A tendência por enquanto, é que o jogador faça a função do Rodrigo Pimpão, se irá “roubar” a vaga de imediato é que não sabemos, aliás, Jair Ventura pode querer colocar Pimpão como um 9 sacando Roger do time titular. Durante a semana ainda poderemos nos deparar com novos reforços, Andrés Rios também já chegou e a diretoria do Botafogo não pretende parar por aí.

Veja alguns lances de Leo Valencia:

 

Daniel Dutra
Siga-o

Daniel Dutra

Carioca, apaixonado pelo Brasil, mas que não esconde seu encanto pelo futebol internacional. Foi jogando bola que me apaixonei pelo futebol, e vendo o Milan jogar que comecei a acompanhar. Espero um dia poder ser Jornalista.
Daniel Dutra
Siga-o

Últimos posts por Daniel Dutra (exibir todos)